5 dicas para escrever propostas irrresistíveis

Proposta clara e mensagens interessantes aumentam as chances para você trocar de casa e sair logo de férias

A troca de casa começa bem antes de você fazer as propostas e arrumar as malas para sair de férias. E por isso ela tem de ter uma comunicação mais franca e direta. Afinal, você vai abrir as portas da sua casa – e seu anfitrião também. Desde o início, procure estabelecer uma relação de confiança por meio de mensagens. Escreva textos pessoais, fale de você e pense no que você gostaria de saber sobre o associado da BeLocal Exchange que está do outro lado da tela.

Então capriche nas suas mensagens. Lembre de ser sempre gentil e escrever uma mensagem que deixe o seu anfitrião confortável com o seu interesse.  Faça perguntas, esclareça dúvidas e seja simpático. Faça com que ele também fique interessado na sua casa e no que a sua cidade oferece para tornar as férias bem divertidas.

Veja algumas dicas para deixar suas mensagens mais interessantes.

Dicas para turbinar suas mensagens 

1. Fale sobre você 

No mundo real, a conversa pode começar com um « Oi, tudo bem? Meu nome é… ». O bate-papo no mundo virtual também pede uma apresentação. Ao fazer uma proposta de troca, que tal você escrever seu nome, o que faz e dar algumas informações pessoais? Isso corta a frieza do teclado e permite uma aproximação mais rápida. E é bom para criar uma rede de confiança entre duas pessoas que estão se conhecendo.

Você pode começar assim: “Meu nome é Luísa e sou professora da Universidade Federal de Pernambuco. Sempre aproveito as férias para viajar com meus filhos de quatro e dez anos”; “Sou a Lívia, moro no Rio e sou bancária. Estou comemorando 5 anos de casada e adoraria ficar na sua junto com meu marido para curtir o friozinho da Serra Gaúcha”; “Sou aposentado, trabalhei muito tempo como engenheiro e quero aproveitar o tempo livre para viajar com os amigos. Somos um grupo de dois casais e queremos conhecer Maceió”. Se a conversa evoluir, forneça informações relevantes e sinceras, conte com quem você vai estar viajando e quais são as suas expectativas na viagem.

2. Torne sua proposta mais atraente 

O que fez você querer ir para o lugar escolhido? Será a sua primeira vez ou você quer rever a cidade? Dê uma turbinada na sua proposta. Você pode tornar a mensagem mais interessante, com frases como: « Minha filha gosta muito de praia. Achamos a sua casa muito acolhedora e queremos trocar de casa com você”; « Meu marido quer conhecer neve e está sonhando com uma viagem à Patagônia »;  “A sua casa é o lugar que a gente estava procurando para relaxar e recuperar as energias”;  “Há muito tempo queremos fazer uma viagem cultural a São Paulo, adoramos teatro e queremos conhecer todos os museus. O seu apartamento tem uma localização perfeita para a gente. Queremos muito trocar de casa nessas férias. E sabemos que a nossa cidade tem atrações bastante interessantes que vão seduzir você e sua família”. Seja criativo!

3. Valorize sua casa e sua cidade 

Descreva sua casa, seu bairro, a região, dê dicas de coisas para fazer, mostre que a cidade é um ótimo destino e qual a programação local. Dê dicas. “A minha casa fica em uma rua tranquila, com fácil acesso a todos os pontos turísticos do Rio de Janeiro. É possível ir a pé para o Jardim Botânico. Depois, a minha dica é caminhar pela Lagoa ou pegar um transporte para a praia de Ipanema, que  fica a 15 minutos »; « Eu moro num bairro badalado e com muitos bares e restaurantes. De noite ele fervilha”;  « Moro perto da praia no Recife. Você pode alugar um carro e conhecer Porto de Galinhas para aproveitar o dia e fazer o passeio de jangada para as piscinas naturais”;  “Ficar hospedado na minha casa é mergulhar na natureza. Aqui há várias opções de turismo ecológico. Aqui tem rio, mata, trilha e cachoeira”.

4. Defina a data e o tipo da troca 

Uma troca sempre envolve uma conversa para ajustar as possibilidades de cada lado. É sempre bom ter uma agenda mais flexível e dar mais de uma opção de data para a troca. Seja claro na comunicação. Diga quantos dias você quer ficar na casa.  “Vamos tirar férias na segunda quinzena de maio e queremos viajar durante 10 dias. Será perfeito se você tiver disponibilidade para troca nesse período”,  “Queremos viajar na Semana Santa e conhecer a sua cidade. A troca não precisa ser simultânea já que essa é a nossa segunda casa”; “As melhores datas para nós são setembro de 2017 ou janeiro de 2018. Mas podemos ver também um período que seja conveniente para você ».

5. Seja gentil: gentileza gera gentileza 

Reafirme seu compromisso em cuidar da casa do associado e agradeça sempre. Envie a mensagem e reforce que espera uma resposta. Você pode escrever: “Teremos prazer em cuidar da sua casa como se fosse nossa. Aguardo sua resposta”; “Ficaremos muito felizes em trocar com vocês. Agradeço seu retorno.”; “Ficaremos felizes em ir para a casa de vocês e será um prazer recebê-los na nossa casa. Fiquem à vontade para fazer perguntas ou tirar dúvidas. Obrigado”.

6. Responda sempre às propostas enviadas para você

Lembre que uma conversa acontece entre duas partes. Se você enviar uma proposta de troca, vai querer receber uma resposta. Vale o mesmo para o outro associado. Por isso, responda às mensagens que tiverem sido enviadas. Se estiver sem tempo, você pode usar o botão de mensagem padrão.

Pronto! Seguindo as nossas dicas, você vai criar uma mensagem mais atrativa e aumentar as chances de receber uma resposta do seu anfitrião.

Considere a proposta, mesmo que esteja fora do seu itinerário. Muitas vezes as melhores viagens são feitas para lugares que a gente nunca pensou em ir.

Deixe que a vida surpreenda você. Boa troca!